* Outros Blogs do meu Grupo *

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Lágrima


Água pura que me invade
Liberando emoções reprimidas
Tradução do que sinto
Esperada ou não
Me distorce
Me enfraquece
Me ajuda
Escorre em minha face
Corpo e mente envolvidos
Nessa magia que me cala
E me atrai...
Ora surge na tristeza
Ora na alegria
Sempre benvinda
Me engole, sou frágil
Lágrima que me despe
E me desperta para a vida
Me ajudando a me encontrar.

Luciana Silveira



[....]

Quando penso
e penso em ti,
vem a lágrima,
lágrima teimosa,
por seres generosa,
uma pedra preciosa
a decorar o meu coração!

Quando penso
e penso em ti,
vem o sonho duma paixão,
sonhada, mas por viver!

Quando penso
e penso em ti,
vem a lágrima,
lágrima teimosa,
por ver
não estares ao pé de mim!

Apenas sonho
e vem a lágrima…

José Manuel Brazão

4 comentários:

Adenísio dos Reis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Adenísio dos Reis disse...

Muito legal esses texto.

Quer ver meu, veja e opine.

Deus o abençoe http://adenisiodosreis.blogspot.com/

Anónimo disse...

Muito legal esses texto.

Quer ver os textos que eu mesmo escrevo, veja e opine :

http://adenisiodosreis.blogspot.com/

Fique com um grande abraço

Tere disse...

amei sua poesia.seu blog é lindo .permita-me segui-lo abraço tere.me visite,tere-terepoesias.blogspot.com